Histórico

As primeiras atividades de combate a incêndio, no Amapá, ocorreram em 1960 com a criação dos Corpos Voluntários de Defesa Contra Incêndios pela ICOMI, instalados nos municípios de Santana e Serra do Navio.
No dia 08 de setembro de 1967, o então Governador do Território Federal do Amapá, Ivanhoé Martins, solicitou ao Corpo de Bombeiros de Brasília a vinda do Coronel BM LOURIVAL BEMVENUTO SILVA, com vistas à elaboração do “Plano destinado à formação de uma corporação de Soldados do Fogo”, bem como, a determinação ao prefeito de Macapá, que continuasse as obras do Quartel do Corpo de Bombeiros Municipal, na Rua Hamilton Silva esquina com Av. Padre Júlio Maria Lombaerd, onde atualmente está localizado o Quartel do Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar do Estado.
O marco histórico do CBMAP deu-se com a publicação do Decreto nº 50, de 17 de novembro de 1967, que dispõe sobre a organização de um Corpo de Bombeiros pelo Governo do Território Federal do Amapá, sob a coordenação do então Major BM Benvenuto, especialmente enviado pelo CBMDF para cumprir tal propósito.
No mesmo ano, no dia 24 de novembro, a explosão de aproximadamente 40 barris de pólvora originou um grande incêndio destruindo parte da área comercial de Macapá. Após o ocorrido, o Governo do Território finalmente assinou convênio com a Prefeitura criando o GRUPAMENTO CONTRA INCÊNDIO - GRUCI.
Em 1975 este grupamento passou a compor as fileiras da Polícia Militar do Território Federal do Amapá, emancipando-se somente 1992, quando, através de Lei Complementar, foi criado o Corpo de Bombeiros Militar do Amapá, tornando-se através deste ato uma instituição com autonomia funcional e administrativa, subordinada ao Governador do Estado.
Neste ano de 2020, a instituição comemora 53 anos de atividades de Bombeiro Militar no Amapá, e 28 anos como corporação independente e autônoma, subordinada ao chefe do executivo estadual.
A missão desta honrosa instituição é planejar, organizar, coordenar e controlar, no âmbito do Estado do Amapá, ações de Defesa Civil, Prevenção e Combate a Incêndio, Busca e Salvamento, Atendimento Pré-hospitalar e Serviço de Segurança Contra Incêndio e Pânico, visando proteger a vida, o meio ambiente e o patrimônio.
Atualmente, o CBMAP se faz presente nas atividades de Busca e resgate na selva e salvamento aquático, Combate a Incêndio e Busca e Salvamento, na capital e no interior do estado com unidades nos municípios de Vitoria do Jarí, Laranjal Do Jarí, Porto Grande, Oiapoque, Macapá e Santana. A capital é assistida pelo 1º Grupamento Bombeiro Militar, localizado na zona central, 2º Grupamento na zona norte, 3º Grupamento, localizado no bairro do Laguinho e o 4º Grupamento, situado no Distrito de Fazendinha.
O CBMAP conta ainda com prestação dos serviços de excelência de seus órgãos de apoio, DISCIP - Diretora de Segurança Contra Incêndio e Pânico, responsável pelo planejamento e execução dos serviços técnicos da corporação; CESAU – Centro de Saúde, responsável por cuidar da saúde física e mental da tropa do CBMAP e de seus dependentes e CEDEC - Coordenadoria Estadual de Defesa Civil e Proteção do Meio Ambiente, que carrega a missão planejar, coordenar e fiscalizar as atividades de defesa civil no estado.
Além de sua missão precípua, oferece a comunidade programas de desenvolvimento e capacitação de crianças e jovens amapaenses, através de seus projetos sociais: “Bombeiro Cidadão”, “Bombeiro Mirim Músico” e “Nadadores do Amanhã”
Suas ações são pautadas em valores como a ética, a eficiência, a qualidade, o comprometimento institucional, a determinação, a hierarquia e a disciplina.
O Corpo de Bombeiros Militar do Amapá atende diretamente a 85% da população do estado, e possui um efetivo de 1.236 (mil duzentos e trinta seis ) bombeiros, entre homens e mulheres, os quais têm ao seu comando o Coronel Bombeiro Militar WAGNER COELHO PEREIRA.
Ser Bombeiro é uma das carreiras mais bem vistas pela sociedade, por ser um profissional treinado para atuar nas mais diversas situações de risco. Porém, muito mais que combater incêndios, nós, soldados do fogo, estamos preparados para realizar qualquer ação necessária para salvar vidas, em circunstâncias adversas.
Parabéns bravos guerreiros do Corpo de Bombeiros Militar do Amapá, que ao exercerem sua profissão, não o fazem simplesmente por obrigação, mas o fazem com coragem, dedicação, extremo amor, respeito e dignidade e amor ao próximo.
"Ao ecoar do chamado... surgem os Bombeiros do Amapá!”



CBM - Corpo de Bombeiros Militar
Rua Hamilton Silva nº 1647 - Santa Rita | CEP: 68.900-068 - -
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2020 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá